Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Colors can speak

“Colors can speak” é um espaço de partilha de coisas que as mulheres adoram e não só. Falamos sobretudo de beleza mas todos os assuntos são bem-vindos. No fundo, um blog de duas mulheres que gostam de partilhar ideias!

Eau de Beauté Caudalie - Review

O post de hoje é para vos falar de um amor recente, mas arrebatador! Ah ah! Confesso que sempre subestimei o poder das águas termais, mas quando comecei a ler mais coisas sobre esta água de beleza da Caudalie, fiquei com a pulga atrás da orelha. Mas aviso-vos já que esta não é uma água termal qualquer (nem sei bem se a podemos chamar de água termal).

 

A Caudalie é uma marca que adoro. Parecem-me super preocupados com os ingredientes que utilizam e com o impacto ambiental também. Os produtos têm todos um cheirinho ótimo (pelo menos os que experimentei) e as descrições dos produtos fazem-nos logo desejá-los. Não é a marca mais baratinho do mundo, mas enfim.

 

Quando finalmente me decidi por comprar este frasquinho, por cerca de 10€ (o maior custa cerca de 35€). fiquei encantada logo à primeira. Comprei na farmácia, mesmo pertinho de casa mas vende-se em vários sites também.

 

 

IMG_3477.JPG

 

Pelos vários sites onde se vende são vários os nomes que se dão a esta água: Elixir da Juventude; Água Revitalizante; Água de Beleza; Bruma Iluminadora.... e por aí! Eis o que a marca diz sobre o produto: Inspirado no famoso elixir de Juventude da Rainha Isabel da Hungria, este cuidado alisa os traços, fecha os poros e confere uma verdadeira luminosidade à tez. 

Os conselhos de utilização dizem o seguinte: Agitar antes de usar. Evitar a zona dos olhos. Vaporizar no rosto antes do creme habitual e a qualquer momento do dia. Indicado para todo o tipo de pele.

 

Os ingredientes são todos super naturais como uva, flor de laranjeira, rosa, erva-cidreira biológica, alecrim, entre outros. Além disso é livre de parabenos e o perfume é 100% natural. O cheiro é um pouco intenso mas depende muito do gosto de cada um. A mim não me incomoda mas também não o adoro em absoluto.

 

A forma como utilizo foi uma sugestão que vi aqui pela internet. Não coloco antes do creme porque aí prefiro um tónico um pouco mais potente ao nível dos poros. Em vez disso, coloco depois da base, antes do pó. Desta forma esta água de beleza ajuda a fixar a maquilhagem e aquele aspeto "cakey" ou "craquelado" da maquilhagem nunca mais vai dar o ar da sua graça. Este foi dos MAIORES benefícios que senti ao usar este produto. Como tenho a pele mega oleosa, tenho que controlar o brilho com pó e conjungando isso com outros produtos para pele oleosa, tinha sempre tendência a que a pele ficasse com ar muito carregado (como se estivesse a usar muita coisa) e com pouca luz. A oleosidade aparecia mas a pele estava sempre com pouca luminosidade. E a verdade é que apesar desta água conter óleos, a pele não fica nada oleosa, consegue-se um aspeto super natural e evita-se aquele ar de pele "over".

Ao longo do dia não costumo voltar a usar, mas acho que é super válida essa sugestão, sobretudo se depois de um dia de trabalho ainda formos para uma noitada, por exemplo.

 

Acho que para quem usa todos os dias, não estou a ver o frasquinho a durar mais de um mês. É pouca quantidade por 10€ mas vale muito a pena.

 

IMG_3479.JPG

 

 

E vocês, já experimentaram esta pequena maravilha???

 

Beijoooossss

 

Rita

O meu método de depilação ideal e cuidados

A depilação é o nosso karma, certo meninas???

 

A verdade é que não tem que ser exatamente assim. Lembro-me de alturas da minha vida em que vivia super preocupada com a depilação por vários motivos: porque doía horrores fazer a cera; tinha que esperar imenso tempo até poder fazer a depilação novamente porque ainda não tinha pelo suficiente; mas o pelo que tinha nesse entretanto já me impedia de usar saias ou calções. E é tão mas tão parvo termos que recusar convites por não termos a depilação feita!!!

 

Até ao belo dia que resolvi passar a boa da lâmina na perna. A famosa gilete! Teve que ser. A minha mãe e as minhas amigas achavam que eu era louca porque os pelos iam crescer mais fortes, iam picar mais, ia ter mais pelos, bla bla bla. Nada disso aconteceu!

 

Passei a amar o método da gilete e a verdade é que funciona lindamente para mim, sobretudo na parte inferior das pernas e virilhas. Mas... tudo tem o seu quê. A parte das coxas era um horror!!!! No dia em que fazia a depilação estava tudo ok, mas nos dias seguintes era uma comichão horrível. Uma coisa mesmo insuportável, náo aguentava tanta comichão e coçava-me até ficar com as pernas vermelhas e super irritadas. Sobretudo na parte de trás das coxas e naquela "dobrinha" da perna.

 

Claro que isto me levou a uma pesquisa intensa na internet e percebi que, felizmente, não era a única a quem isto acontecia. A partir daí, o meu ritual de depilação (sim, ritual!) mudou ligeiramente. Continuo a utilizar gilete nas zonas em que a comichão não me atingia mas nas coxas passei a utilizar creme depilatório. Isto dos cremes depilatórios é muito subjetivo e há que encontrar aquele que realmente funciona para nós. Como os meus pelos são clarinhos, mesmo que escapem os mais pequeninos, não me incomoda muito mas é uma questão de experimentarem.

 

photo (1).jpg

 

 

Mas tão ou mais importante do que o método que escolhemos para nos depilar, é importante a preparação e os cuidados a ter depois.

1º No dia antes da depilação, uso um esfoliante no banho e esfrego com algum vigor as pernas.

2º Na depilação com gilete uso uma espuma de barbear (sim, daquelas dos homens mesmo!) para peles sensíveis (a minha é da Nivea).

3º Espero religiosamente os minutos certinhos que a embalagem do creme depilatório refere.

4º Com as pernas secas, passo um creme género "after shave" (este meu da imagem é d' O Boticário), quer nas zonas depiladas com creme quer nas outras com gilete. A sensação de alívio e fresquinho é muito boa!

5º No dia seguinte volta a fazer esfoliação no banho (teoricamente para libertar os poros para que os pelos possam voltar a crescer livremente sem encravar e sem causar comichão).

6º Todos os dias de manhã massajo as pernas com óleo de amêndoas doces (super baratinho!).

7º Todas as noites passo pó de talco nas áreas mais problemáticas para acalmar a pele.

 

Esta é a minha compilação de cuidados que me ajudaram bastante a combater o mau-estar da depilação. E sinceramente, para mim a cera era muito dolorosa e uma perda de tempo. Tenho pena da depilação a laser não ser eficaz para mim, porque o meu pele é clarinho. Mas enfim...

 

E vocês? Contem-me tudo sobre os vossos métodos!

 

Beijooooosssss

 

Rita

A minha experiência com unhas de acrílico

Tenho a certeza que muitas de vocês aí desse lado, em alguma altura da vossa vida, já experimentaram unhas de gel, gelinho ou verniz gel.

 

A verdade é que esta onda de unhas "postiças", se assim se podem chamar, veio para ficar. Já experimentei unhas de gel, embora só uma ou duas vezes, e atualmente andava mais pela praia do tal gelinho. Usei durante muito tempo, mais de um ano, e adorava.

 

O que fui percebendo ao longo do tempo e falando com a Monyke, minha parceira do blog que me faz as unhas, que se a base e top coat utilizados forem de boa qualidade, o gelinho ou verniz gel pode durar muito tempo impecável. As minhas unhas duravam, sem lasca nenhuma 3 semanas, e muitas vezes conseguia estender até às 4 semanas, embora por vezes começasse a lascar numa pontinha ou outra.

 

Agora mais recentemente, experimentei o acrílico. É um material diferente do gel e para mim, que não percebo muito do assunto, parece-me mais natural embora seja muito resistente. Não sinto o material a descolar das unhas como cheguei a sentir com o gel e dura sem lasca nenhuma 4 semanas certinhas. E só não dura mais porque a unha cresce muitoooo! Oram vejam as minhas unhas com 4 semanas:

 

IMG_3255.JPG

IMG_3265.JPGIMG_3264.JPG

 

Sinto que é um material que não estraga as unhas e cada vez que vou fazer a manutenção as minhas unhas parecem estar ótimas e a crescer saudáveis.

Aqui estou a meio do processo:

 

IMG_3317.JPG

 

 

E o resultado final:

IMG_3318.JPG

 

IMG_3320.JPGIMG_3323.JPG

 

É um material bastante curioso, que vem em pó e depois em contacto com um liquído transforma-se num material mais espesso que dá para construir sobre a unha. É muito giro de ver! A manutenção demora cerca de uma hora e meia e é um pouco mais caro do que o gelinho mas acho que compensa. Podem depois escolher a cor que querem aplicar por cima do tal acrílico, e pedir para fazerem a nail art que quiserem. O processo é basicamente o mesmo do que numas unhas de gelinho.

 

E vocês como fazem a vossa manicure? Já tinham ouvido falar do acrílico?

 

Beijoooossss

 

Rita 

 

Video | Côncavo colorido

Dois vídeos assim tão seguidinhos!!! É um feito quase histório para mim. A maquilhagem de hoje tem um côncavo diferente do que estamos acostumadas a ver. É nele que está a cor e o foco da maquilhagem deixando a pálpebra suave e neutra.

 

É, claro está, uma maquilhagem mais para a noite ou até poderia ser para uma noiva se o delineado fosse mais fininho e substituíssemos o preto da linha de água por um bege.

 

Vejam as fotos e assistam ao vídeo! Espero que gostem e comentem!

 

IMG_3903.JPG

 

IMG_3907.JPG

 

IMG_3909.JPG

IMG_3910.JPG

 

 

 

Aqui ficam os produtos usados neste vídeo e onde os adquiri:

- Primer de sombras Shadow Insurance Too Faced - Sephora

- Sombra Thirteen Naked Smoky - Sephora

- Sombra Combust Naked Smoky - Sephora

- Pincel de Sombras da Naked 3 - Sephora

- Sombra Slowburn Electric Pallete Urban Decay - Sephora

- Lápis Preto Essence - Wells

- Caneta delineadora Essence - Wells

- Lápis dourado Essence - Wells

- Pestanas postiças - E-bay

- Máscara de pestanas Maybelline - Supermercado

- Bronzer Paleta FaceForm Sleek MakeUP - Sephora

- Blush Paleta e-bay

- Caneta iluminadora Maybelline Dream Lumi Touch - Supermercado

- Pó translúcido Nyx - Maquillalia

- Lápis de boca Sephora

- Iluminador Girl Meets Pearl Benefit - Sephora

- Makeup Setting Spray Nyx - Maquillalia

- Outros pincéis - E-bay

 

Today's video is to show you a makeup with a colorful crease and a super eyeliner. Don´t forget to watch the video with english subs on our youtube channel.

 

Beijooooosssss

 

Rita

Co-wash | A técnica de lavar o cabelo com condicionador

Isto de ter uma cabeleira farta tem os seus prós e contras. Não que me queixe muito do meu cabelo. Adoro ter muito cabelo e que ele seja volumoso. Mil vezes isso a ter pouco ou "lambido". Mas a verdade é que tanto volume e tanto cabelo muitas vezes é difícil de controlar.

 

IMG_2826.JPG

 

 

Nos últimos tempos o meu cabelo tem vindo a tornar-se muito seco, sobretudo devido a madeixas e pinturas. Nunca na minha vida achei que ele pudesse secar tanto, porque sempre tive tendência a que ele fosse mais oleoso. Fiz uma série de tratamentos de hidratação num cabeleireiro e adorei os resultados. A técnica que usaram foi botox capilar. Já ouviram falar?

 

Mas queria ser capaz de o manter hidratado em casa e encontrei este método de co-wash na minha pesquisa. Co-wash vem de "conditioner washing" (lavar com condicionador). Consiste basicamente em lavar o cabelo só com condicionador deixando o uso de shampoo só para alguns dias. No meu caso eu faço lavagem sim, lavagem não e estou a adorar o resultado. Usa-se o condicionador desde a raíz até às pontas como se fosse shampoo mesmo. A mesma quantidade e tudo. As impurezas do cabelo são eliminadas apenas com os movimentos de fricção. Claro que não temos aquela espuma toda nem uma mega sensação de limpeza que alguns shampoos nos dão mas como uso em lavagens alternadas não me faz confusão e sinto o cabelo limpo.

 

É especialmente recomendado para quem tem cabelos muito secos, sobretudo para os cabelos encaracolados e crespos. Este não é bem o meu caso, uma vez que tenho o cabelo ondulado. O que tenho sentido é um pouco menos de volume, cabelo menos frizado e mais fácil de alisar. É um método ótimo também para quem tem o couro cabeludo mais sensível, como eu, mas em excesso, pode trazer oleosidade. Além disso, não é recomendado para cabelos muito lisos e com pouco volume.

 

Pode ajudar fazer um calendário para lembrar quais os dias em que fazem co-wash ou usam shampoo. Para mim este método não dispensa a utilização de uma máscara uma vez por semana.

 

Também ajuda que o produto seja específico. Já existem condicionadores próprios para co-wash, pelo menos online. Não sei se já existirão em lojas físicas. Deixo-vos aqui o que eu estou a usar e uma imagem do meu cabelo atualmente.

 

IMG_3120.JPGIMG_3193.JPG

 

Este que estou a usar é o Palmer's Olive Oil Formula Co-Wash Cleansing Conditioner e comprei aqui. Pareceu-me bem para experimentar já que não é muito caro.

 

O que vos parece este método? Já experimentaram? Eu estou a adorar!

 

Beijoooossss

 

Rita

CCS no Youtube

@aritabernardo

@ykeama

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D